Saturday, December 02, 2006

confesso...



...que encontrei motivo para rir e gostar da argúcia social do obnoxio que nas suas por vezes poucas e irónicas palavras dá espaço para muitas imagens falarem por sí próprias...

Imagens para pensar, sorrir e até reflectir como essa aí abaixo...


[Condição feminina?...]

#
No obnoxio actual, realço a homenagem a Mário Cesariny de Vasconcelos: Palavras imensas que esperarão sempre por ti...
Porque há pessoas que nunca morrem e Mário Cesariny de Vasconcelos é certamente uma delas
*

No comments:

Post a comment